EUA multam Boeing em US$ 5,4 mi por divulgações de informações errôneas com aviões 737 Max

Multa da agêencia reguladora norte-americana Administração Federal de Aviação (FAA) se soma a uma outra de US$ 3,9 milhões aplicada em dezembro e aprofunda a crise de credibilidade da companhia

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A Boeing foi multada nesta sexta-feira (10) em US$ 5,4 milhões pelas autoridades norte-americanas pela divulgação de informações errôneas sobre os aviões 737 que se envolveram no acidente que resultou na morte de 346 pessoas na Etiópia e na Indonésia por um período de cinco meses. 

Em dezembro, a gigante da aviação já havia sido multada em US$ 3,9 milhões pela Administração Federal de Aviação (FAA), agência reguladora dos EUA, pelos mesmos problemas registrados nas asas dos aviões 737. A Boeing teria assegurado aos órgãos responsáveis que os itens questionados atenderiam a exigência dos portocolos de segurança. A FFA, porém, acusa a empresa de não ter supervisionado a speças de maneira adequada. 

Nesta semana, a Boeing foi duramente criticada após virem à tona diálogos internos de empregados da companhia ironizando e criticando as falhas do modelo 737. 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247