Europa exige mudança de Bolsonaro e fim das queimadas

"Ainda precisamos de resultados: ONGs, empresas internacionais e brasileiras, todos têm dado o mesmo recado. A sustentabilidade é uma obrigação para todos”, disse o embaixador da União Europeia (UE) no Brasil, Ignacio Ybañez Rubio

Bolsonaro e queimadas na Amazônia
Bolsonaro e queimadas na Amazônia (Foto: ABr | Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O embaixador da União Europeia (UE) no Brasil, Ignacio Ybañez Rubio, cobrou resultados do governo Jair Bolsonaro no combate ao aumento do desmatamento e das queimadas no Brasil. “Ainda precisamos de resultados: ONGs, empresas internacionais e brasileiras, todos têm dado o mesmo recado. A sustentabilidade é uma obrigação para todos”, disse Rubio ao jornal O Globo

Segundo ele, existe uma preocupação por parte da sociedade, grandes empresas e instituições financeiras em torno das questões ambientais e a expectativa é que o governo brasileiro faça sua parte. “Temos insistido muito com o governo brasileiro em que devem começar desde já a cumprir o acordo em matéria de sustentabilidade”, afirmou. 

Apesar da cobrança, Rubio disse que “’alguns movimentos vão na direção correta” e poderão influenciar na ratificação do acordo comercial entre o Brasil e a União Europeia. “O processo de ratificação e assinatura do acordo será político e haverá debate. O acordo tem um capítulo sobre comércio e desenvolvimento sustentável, com compromissos de ambas as partes sobre regras que promovem a sustentabilidade. O capítulo fala, por exemplo, sobre o compromisso de respeitar o Acordo de Paris sobre clima”, ressaltou o embaixador. 

“Temos insistido muito com o governo brasileiro para que comece desde já a cumprir o acordo em matéria de sustentabilidade. Vemos grandes esforços e esperamos resultados. Alguns movimentos vão na direção correta, como a criação do Conselho Nacional da Amazônia Legal”, completou. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247