Evo Morales planeja comício partidário em fronteira com a Argentina

O ex-presidente boliviano Evo Morales conclamou seus apoiadores no sábado a aparecerem em um comício na fronteira entre a Argentina e a Bolívia no dia 29 de dezembro. Ele não informou o local da reunião, mas a imprensa local sugeria que poderia acontecer nas cidades de Oran ou de Salvador Mazza

(Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Reuters — O ex-presidente boliviano Evo Morales conclamou seus apoiadores no sábado a aparecerem em um comício na fronteira entre a Argentina e a Bolívia no dia 29 de dezembro para escolher um candidato para as eleições bolivianas no ano que vem. Em uma entrevista com a rádio argentina, Morales, que buscou asilo político no País, disse que havia chamado a reunião do partido Movimento ao Socialismo, que dirigiu durante seus 14 anos como presidente do país.

"Escolheremos nosso candidato tendo em vista as eleições que se aproximam na Bolívia", disse Morales à Rádio La Network.

O ex-presidente não informou o local da reunião, mas a imprensa local sugeria que poderia acontecer nas cidades de Oran ou de Salvador Mazza, na província de Salta, cerca de 1.300 quilômetros a noroeste da capital Buenos Aires.

Morales disse que o governo argentino havia concordado em providenciar a Segurança para o evento.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247