Guerra comercial provocada pelos EUA leva Rússia e China a maior aproximação

A Rússia e a China estão analisando as possibilidades de fortalecer sua cooperação em face da guerra comercial ntre os Estados Unidos e o país asiático, disse o ministro do Desenvolvimento Econômico da Rússia, Maksim Oreshkin

(Foto: Sputnik)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - A Rússia e a China estão analisando as possibilidades de fortalecer sua cooperação em face da guerra comercial ntre os Estados Unidos e o país asiático, disse o ministro do Desenvolvimento Econômico da Rússia, Maksim Oreshkin. 

"Estamos agora negociando com nossos parceiros chineses sobre agricultura e outros setores para que a China se mova do mercado dos EUA para o mercado russo", disse Oreshkin.   

Embora a economia chinesa enfrente novos desafios devido às tensões com os EUA, segundo Oreshkin a cooperação comercial entre Moscou e Pequim possibilitará o fortalecimento das relações bilaterais sino-russas.  "Nosso intercâmbio comercial cresceu em US$ 108 bilhões no ano passado e tem uma dinâmica positiva este ano", disse ele.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email