Haddad: Bolsonaro desconhece que vantagem do peronismo se deve, em parte, por seu apoio a Macri

Ex-ministro e ex-prefeito Fernando Haddad relaciona os desastrosos movimentos de Bolsonaro na política externa, destacando o mais recente deles: tentar influenciar as eleições argentinas, chamando o vitorioso nas primárias de “bandido”

(Foto: UESLEI MARCELINO - REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-ministro e ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad, presidenciável do PT nas eleições de 2018, relacionou em sua coluna na Folha de S.Paulo deste sábado 17 os desastrosos movimentos de Jair Bolsonaro na política externa. 

O destaque ficou para o mais recente deles: tentar influenciar as eleições argentinas, chamando o vitorioso nas primárias de “bandido”. Bolsonaro talvez desconheça "que a vantagem até aqui do peronismo, pelo menos em parte, deve-se a seu apoio a Macri", lembra Haddad.

O professor fala ainda dos ataques de Bolsonaro à China, da ameaça de intervenção à Venezuela - uma bravata -, da ameaça de alteração da embaixada em Israel de Tel Aviv para Jerusalém - outra bravata - e, mais recentemente, o escândalo no acordo de Itaipu, com o Paraguai. Leia aqui a íntegra.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247