Imitador de Elvis é indiciado por carta envenenada a Obama

Exames indicam que Paul Kevin Curtis, de 45 anos, tenha enviado três cartas, todas com texto idêntico e datilografadas em papel amarelo, a Obama, ao senador Roger Wicker, do Mississippi, e a um juiz do interior desse Estado

Imitador de Elvis é indiciado por carta envenenada a Obama
Imitador de Elvis é indiciado por carta envenenada a Obama (Foto: Northeast Mississippi Daily Jour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Reuters - Promotores federais dos Estados Unidos apresentaram na quinta-feira acusações criminais contra um homem do Mississippi que trabalhava como imitador de Elvis Presley e é acusado de enviar uma carta envenenada ao presidente Barack Obama.

Acredita-se que Paul Kevin Curtis, de 45 anos, tenha enviado três cartas, todas com texto idêntico e datilografadas em papel amarelo, a Obama, ao senador Roger Wicker, do Mississippi, e a um juiz do interior desse Estado.

Exames preliminares indicam que as duas cartas que chegaram a Washington continham traços do veneno ricina.
Curtis, morador de Corinth, no Mississippi, pode ser condenado a 15 anos de prisão e 500 mil dólares de multa, mais três anos de liberdade vigiada.

O incidente das cartas envenenadas ocorre na mesma semana em que um atentado matou três pessoas em Boston, mas o FBI disse não haver relação entre os dois casos.

(Por David Ingram e Deborah Charles)

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247