Jornalista diz que Fidel morreu. Filho desmente

Conhecido por ter revelado o câncer de Hugo Chávez, o venezuelano Nelson Bocaranda publicou a informação em seu blog, sem citar fontes; o fotógrafo Alex Castro (dir.), filho do ex-presidente cubano, desmentiu a notícia afirmando que seu pai "está bem"; a blogueira dissidente Yoani Sánchez também comentou a notícia pelo Twitter, dizendo que "não tem nenhuma certeza" do que aconteceu

www.brasil247.com - Jornalista diz que Fidel morreu. Filho desmente
Jornalista diz que Fidel morreu. Filho desmente


247 – Uma informação publicada pelo jornalista venezuelano Nelson Bocaranda em seu blog, Runrunes, dá conta de que o ex-presidente de Cuba, Fidel Castro, morreu e que o anúncio será feito pelas autoridades do país dentro de 72 horas. Bocaranda se tornou conhecido por ter sido o primeiro a noticiar que o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, sofria de câncer.

"Sabemos que a saúde do ditador se deteriorou por mais de 50 anos de tal forma nos últimos meses que ele permaneceu ligado a um pulmão artificial como a única forma de o manter com 'vida', ainda que articial", diz o post do blog de Bocaranda, sem citar fontes. "Antes de 72 horas o governo de Raúl Castro fará o anúncio da morte do líder revolucionário".

Os rumores também circulam nas redes sociais desde essa quinta-feira. Através do Twitter, a blogueira dissidente cubana Yoani Sánchez contou que "seu telefone não para de tocar", mas que ela "não tem nenhuma certeza" sobre a veracidade da notícia. "São só rumores que estão circulando", publicou.

Filho de Castro, o fotógrafo Alex Castro desmentiu a informação, afirmando que seu pai "está bem, fazendo suas atividades diárias, lendo, praticando exercícios". Segundo o jornalista, Havana só estaria esperando que Juanita Castro, irmã de Fidel, voltasse de Miami para fazer o "anúncio familiar importante".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email