Justiça sobe para 25 anos de prisão a condenação da ex-presidente sul-coreana

Um tribunal sul-coreano condenou a ex-presidente Park Geun-hye a 25 anos de prisão; um corte inferior condenou Park a 24 anos de cadeia em abril, dizendo ter colaborado com Choi Soon-sil para receber dezenas de bilhões da moeda local de conglomerados como Samsung para ajudar a família de Choi e financiar fundações sem fins lucrativos de propriedade da empresa dela

Justiça sobe para 25 anos de prisão a condenação da ex-presidente sul-coreana
Justiça sobe para 25 anos de prisão a condenação da ex-presidente sul-coreana (Foto: Flickr.com)

Agência Sputnik - Um tribunal sul-coreano condenou a ex-presidente Park Geun-hye a 25 anos de prisão nesta sexta-feira, informou a agência de notícias local Yonhap, em um caso decorrente de um escândalo de corrupção que a derrubou no início de 2017.

O Supremo Tribunal de Seul considerou Park culpada das acusações, incluindo suborno, informou a Yonhap.

Uma corte inferior condenou Park a 24 anos de cadeia em abril, dizendo ter colaborado com Choi Soon-sil para receber dezenas de bilhões de won (a moeda local) de grandes conglomerados como Samsung e Lotte para ajudar a família de Choi e financiar fundações sem fins lucrativos de propriedade da empresa dela.

Promotores haviam apelado contra essa decisão, buscando uma sentença mais dura.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247