Kim Jong-un: 'Coreia do Norte é poder militar de nível mundial'

Na quinta-feira (8) em Pyongyang, realiza-se o desfile militar que celebra o 70º aniversário da criação do Exército Popular da Coreia que foi estabelecido em 1948 pelo então líder do país, Kim Il-sung; Kim Jong-un assistiu ao desfile onde participam cerca de 13.000 militares; ele afirmou que a "Coreia do Norte é um poder militar de nível mundial"

Na quinta-feira (8) em Pyongyang, realiza-se o desfile militar que celebra o 70º aniversário da criação do Exército Popular da Coreia que foi estabelecido em 1948 pelo então líder do país, Kim Il-sung; Kim Jong-un assistiu ao desfile onde participam cerca de 13.000 militares; ele afirmou que a "Coreia do Norte é um poder militar de nível mundial"
Na quinta-feira (8) em Pyongyang, realiza-se o desfile militar que celebra o 70º aniversário da criação do Exército Popular da Coreia que foi estabelecido em 1948 pelo então líder do país, Kim Il-sung; Kim Jong-un assistiu ao desfile onde participam cerca de 13.000 militares; ele afirmou que a "Coreia do Norte é um poder militar de nível mundial" (Foto: Romulo Faro)

Sputnik

Na quinta-feira (8) em Pyongyang, realiza-se o desfile militar que celebra o 70º aniversário da criação do Exército Popular da Coreia que foi estabelecido em 1948 pelo então líder do país, Kim Il-sung.

Kim Jong-un assistiu ao desfile onde participam cerca de 13.000 militares.

Segundo informa a AFP, no âmbito do evento o líder norte-coreano Kim Jong-un, declarou que a "Coreia do Norte é um poder militar de nível mundial".

Durante o evento, o líder do país e sua esposa Ri Sol-ju, cumprimentaram os participantes do desfile que se juntaram na Praça de Kim Il-sung, em Pyongyang.

No desfile participaram várias unidades das tropas norte-coreanas. No início, elas foram alinhadas em colunas, em seguida, levantaram-se para que fosse possível ver o número 2.08 (que significa 8 de fevereiro), com uma estrela de cinco pontas no centro. Tais figuras podem ser observadas por aqueles que assistiam ao evento do pódio.

"Enquanto EUA continuam sua política hostil, a missão do Exército Popular, que desempenha papel de poderosa espada na defesa de nosso país, continua", declarou o líder norte-coreano.

Segundo informa o canal de televisão sul-coreano YTN, Seul continua vigiando o desfile militar em Pyongyang, realizado na véspera da abertura dos Jogos Olímpicos em Pyeongchang. Seul receia que a demonstração da força militar realizada pela Coreia do Norte possa influenciar de modo negativo a atmosfera esportiva dos Jogos.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247