Le Pen sobe em pesquisa após ataque em Paris; Macron ainda é líder

Primeira pesquisa de opinião realizada após o ataque na Champs-Elysées aponta que líder da extrema-direita francesa e candidata à Presidência do país europeu, Marine Le Pen (foto), alcança 23%, um ponto acima na comparação com o levantamento anterior; o centrista Emmanuel Macron Macron aparece com 24,5% dos votos, uma queda de 0,5 ponto percentual em relação à pesquisa anterior; a eleição acontece neste domingo (23)  

Primeira pesquisa de opinião realizada após o ataque na Champs-Elysées aponta que líder da extrema-direita francesa e candidata à Presidência do país europeu, Marine Le Pen (foto), alcança 23%, um ponto acima na comparação com o levantamento anterior; o centrista Emmanuel Macron Macron aparece com 24,5% dos votos, uma queda de 0,5 ponto percentual em relação à pesquisa anterior; a eleição acontece neste domingo (23)
 
Primeira pesquisa de opinião realizada após o ataque na Champs-Elysées aponta que líder da extrema-direita francesa e candidata à Presidência do país europeu, Marine Le Pen (foto), alcança 23%, um ponto acima na comparação com o levantamento anterior; o centrista Emmanuel Macron Macron aparece com 24,5% dos votos, uma queda de 0,5 ponto percentual em relação à pesquisa anterior; a eleição acontece neste domingo (23)   (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Primeira pesquisa de opinião realizada após o ataque na Champs-Elysées aponta subida da líder da extrema-direita francesa e candidata à Presidência do país europeu, Marine Le Pen, mas o centrista Emmanuel Macron mantém a liderança tanto no primeiro como no segundo turno das eleições. A eleição acontece neste domingo (23).

De acordo com o levantamento para a revista Le Point, publicada nesta sexta-feira (21), Macron aparece com 24,5% dos votos, uma queda de 0,5 ponto percentual em relação à pesquisa anterior. Le Pen alcança 23%, um ponto acima na comparação com o levantamento anterior.

O conservador François Fillon e o esquerdista Jean-Luc Mélenchon caíram 0,5 pontos, para 19%, não conseguindo se classificar para o segundo turno do dia 7 de maio.

Macron derrotaria Le Pen com folga no segundo turno, apontou a pesquisa.



O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email