Maduro: 'Trump deixa campo minado entre a Venezuela e os EUA'

Nicolás Maduro comentou para a Telesul o nível das relações entre os EUA e a Venezuela durante o governo Trump e falou sobre sua expectativa para América Latina com a chegada de Joe Biden

Donald Trump e Nicolás Maduro
Donald Trump e Nicolás Maduro (Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - O presidente da Venezuela Nicolás Maduro expressou neste domingo (8) que aspira alcançar um relacionamento de respeito com o governo de Joe Biden por meio do diálogo.

Ele também afirmou que Donald Trump deixa um campo minado entre Washington e Caracas, que pode ser esquecido apenas se Biden honrar seu compromisso com o eleitores que votaram com esperança de que ele liderará uma grande mudança.

"Donald Trump deixa um campo minado entre o governo dos Estados Unidos e da Venezuela", disse Maduro em um ato governamental televisionado. "Mas a Venezuela aqui está sempre pronta para o diálogo, a cooperação, o entendimento", concluiu.

Maduro disse repetidamente que era indiferente quem ganhou as eleições nos Estados Unidos, visto que democratas e republicanos agem da mesma forma contra a Venezuela e qualquer outro país independente da política externa dos Estados Unidos.

Porém, de acordo com o presidente da Venezuela, os democratas tem um compromisso a honrar.

"O Partido Democrata não ganhou, Donald Trump perdeu; e Joe Biden recebeu o voto de esperança de uma imensa maioria de americanos que querem mudanças nos Estados Unidos e mudanças no mundo, e acaba o intervencionismo nos países da América Latina e acaba a hegemonia dos Estados Unidos, tentando ser o governo do mundo", afirmou.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247