Mais de 800 tripulantes do porta-aviões americano Theodore Roosevelt foram infectados pelo coronavírus

A Marinha dos EUA informou que toda a tripulação do porta-aviões USS Theodore Roosevelt foi submetida a testes médicos e aproximadamente 18% deles tiveram resultados positivos

(Foto: Julio Rivera / Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O porta-aviões dos Estados Unidos Theodore Roosevelt, atracado na ilha de Guam, tem a bordo mais de 800 tripulantes infectados pelo coronavírus, enquanto 4.234 de seus militares foram transferidos para terra.

O navio está atracado na base naval dos EUA na ilha de Guam, no Pacífico, desde 27 de março. Os testes revelaram que um total de 840 membros da tripulação são portadores do novo coronavírus. Desses, 88 se recuperaram e 4 ainda estão internados no Hospital Naval de Guam, mas nenhum está em tratamento intensivo, informou a Marinha na quinta-feira (23).

O surto da doença a bordo do USS Theodore Roosevelt eclodiu no final de março, provocando controvérsia nos níveis mais altos da Marinha. O capitão do porta-aviões Brett Crozier, que também foi testado positivo, foi retirado de seu posto depois que uma carta vazou pedindo aos seus superiores que tomassem medidas imediatas para ajudar sua tripulação depois de registrar vários casos de covid-19 no navio, informa Russia Today.
 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247