Maradona tem visto para os EUA negado após criticar Trump

O craque Maradona está impedido de viajar para os Estados Unidos desde a Copa do Mundo de 1994 e agora teve um novo pedido de visto negado pelo governo norte-americano; o motivo foi uma crítica do ídolo argentino ao presidente dos EUA, Donald Trump, comparando-o a um fantoche; segundo o advogado Matías Morla, que representa o ex-jogador, Maradona chamou Trump de "chirolita", nome de um famoso boneco utilizado por um ventríloquo na TV argentina

Maradona faz gesto em jogo do Boca Juniors contra o Quilmes em Buenos Aires. 18/7/2015. REUTERS/Marcos Brindicci
Maradona faz gesto em jogo do Boca Juniors contra o Quilmes em Buenos Aires. 18/7/2015. REUTERS/Marcos Brindicci (Foto: José Barbacena)

247 - O craque Maradona está impedido de viajar para os Estados Unidos desde a Copa do Mundo de 1994 e agora teve um novo pedido de visto negado pelo governo norte-americano. O motivo foi uma crítica do ídolo argentino ao presidente dos EUA, Donald Trump, comparando-o a um fantoche. Segundo o advogado Matías Morla, que representa o ex-jogador, Maradona chamou Trump de "chirolita", nome de um famoso boneco utilizado por um ventríloquo na TV argentina.

- Quando estávamos para conseguir o visto, Diego disse que Donald Trump é um "chirolita". Assim, o meu pedido ficou no porão da embaixada - disse Morla, segundo o jornal "El Clarín".

A crítica de Maradona foi feita em entrevista à "Telesur", emissora de televisão mantida pelo governo da Venezuela.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247