Michelle Bachelet lidera petição para que Lula seja candidato

Ex-presidente do Chile articula uma carta assinada por 43 personalidades de esquerda ao Poder Judiciário brasileiro em que pedem para que o líder do PT saia candidato a presidente da República em 2018; Michelle Bachelet também tentará visitar o ex-presidente Lula na prisão, em Curitiba, de acordo com o jornal La Segunda, do Chile

Michelle Bachelet lidera petição para que Lula seja candidato
Michelle Bachelet lidera petição para que Lula seja candidato (Foto: REUTERS/Jorge Cabrera | Ricardo Stuckert)

247 - A ex-presidente do Chile Michelle Bachelet encabeça uma iniciativa em defesa da candidatura do ex-presidente Lula, preso político há três meses, ao Palácio do Planalto em 2018.

De acordo com o jornal chileno La Segunda, Bachelet articula uma carta assinada por 43 personalidades de esquerda ao Poder Judiciário brasileiro em que pedem para que o líder do PT saia candidato em 2018.

"Consideramos que uma eleição presidencial sem Lula como candidato poderia ter sérias impugnações de legitimidade e aprofundaria ainda mais a crise política que o Brasil tem que superar", diz trecho do documento.

A ex-presidente chilena, de acordo com o veículo, também tentará visitar o ex-presidente Lula na prisão, em Curitiba.

Em abril desse ano, Bachelet saiu em defesa do Lula e pediu respeito à soberania das urnas e do voto popular:

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247