Militares dos EUA são encontrados mortos em dormitório de base na Alemanha

De acordo com um comunicado obtido pela Stars & Stripes, dois homens foram encontrados inconscientes no quarto no último dia 9. Receberam socorro, mas não resistiram

Vista aérea da Base Aérea de Spangdahlem na alemanha.
Vista aérea da Base Aérea de Spangdahlem na alemanha. (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - Oficiais da Base Aérea de Spangdahlem, em Binsfeld, Alemanha, iniciaram uma investigação depois que dois pilotos americanos foram encontrados mortos, ontem, em um dormitório da instalação.

De acordo com um comunicado obtido pela Stars & Stripes, os dois homens foram encontrados inconscientes no quarto por volta das 18h30, horário local, do último dia 9, e foram declarados mortos pelos socorristas apenas 20 minutos depois.

"É com o coração pesado que informo a morte de dois [de] nossos aviadores, que foram encontrados sem resposta em um dormitório ontem", diz o comunicado. “É difícil perder membros valiosos da nossa equipe. Em nome da Spangdahlem, a equipe de liderança gostaria de estender nossas sinceras e calorosas condolências aos amigos e famílias que foram afetados por essa tragédia."

As identidades dos aviadores mortos não serão divulgadas até pelo menos 24 horas depois que seus familiares forem notificados do ocorrido, de acordo com a política do Departamento de Defesa dos EUA.

A declaração também observa que capelães militares, profissionais de saúde mental e outros especialistas estão prontos para apoiar qualquer outro membro militar após o incidente em Binsfeld.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email