Ministro da Fazenda da Argentina deixa cargo

O ministro da Fazenda da Argentina, Nicolás Dujóvne, renunciou ao cargo. Em carta dirigida a Macri, ele afirma que "se convenceu de que, em virtude das circunstâncias, sua gestão necessita de uma renovação significativa na área econômica". O novo ministro da Fazenda será Hermán Lacunza, que ocupa atualmente o cargo de ministro da Economia da província de Buenos Aires.

Presidente da Argentina, Mauricio Macri
Presidente da Argentina, Mauricio Macri (Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro da Fazenda da Argentina, Nicolás Dujóvne, renunciou ao cargo. Em carta dirigida a Macri, ele afirma que "se convenceu de que, em virtude das circunstâncias, sua gestão necessita de uma renovação significativa na área econômica". O novo ministro da Fazenda será Hermán Lacunza, que ocupa atualmente o cargo de ministro da Economia da província de Buenos Aires.

A reportagem do jornal G1 destaca que "além da crise econômica, a Argentina vive um cenário de turbulência política. No último domingo, o país realizou as prévias obrigatória. Nelas, Macri sofreu uma derrota considerável para a chapa liderada por Alberto Fernández, e que tem a ex-presidente Cristina Kirchner como vice."

A matéria acrescenta que "a dupla conseguiu 47,66% dos votos, contra 32,08% do atual presidente. Roberto Lavagna foi o 3º, com 8,23% dos votos."

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email