Ministro do Interior é nomeado primeiro-ministro da França

Bernard Cazeneuve foi nomeado nesta terça-feira, 6, primeiro-ministro da França em substituição a Manuel Valls, que se demitiu do cargo para concorrer às primárias do Partido Socialista, visando à eleição presidencial de abril-maio de 2017; ele estava à frente do Ministério do Interior desde 2014, onde substituiu Valls e enfrentou a onda de atentados terroristas; presidente François Hollande encarregou Cazeneuve de formar um novo governo, como estabelece o protocolo, segundo comunicado do Palácio do Eliseu

Bernard Cazeneuve foi nomeado nesta terça-feira, 6, primeiro-ministro da França em substituição a Manuel Valls, que se demitiu do cargo para concorrer às primárias do Partido Socialista, visando à eleição presidencial de abril-maio de 2017; ele estava à frente do Ministério do Interior desde 2014, onde substituiu Valls e enfrentou a onda de atentados terroristas; presidente François Hollande encarregou Cazeneuve de formar um novo governo, como estabelece o protocolo, segundo comunicado do Palácio do Eliseu
Bernard Cazeneuve foi nomeado nesta terça-feira, 6, primeiro-ministro da França em substituição a Manuel Valls, que se demitiu do cargo para concorrer às primárias do Partido Socialista, visando à eleição presidencial de abril-maio de 2017; ele estava à frente do Ministério do Interior desde 2014, onde substituiu Valls e enfrentou a onda de atentados terroristas; presidente François Hollande encarregou Cazeneuve de formar um novo governo, como estabelece o protocolo, segundo comunicado do Palácio do Eliseu (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Da Rádio França Internacional - O ministro do Interior francês, Bernard Cazeneuve, foi nomeado hoje (6) primeiro-ministro da França em substituição a Manuel Valls, que se demitiu do cargo para concorrer às primárias do Partido Socialista, visando à eleição presidencial de abril-maio de 2017. A informação é da Rádio França Internacional.

Aos 53 anos, Cazeneuve tem a confiança do presidente François Hollande para administrar o país nos cinco meses que restam para o término do mandato socialista. Discreto, calmo e fiel escudeiro de Hollande, Cazeneuve tem a experiência necessária para tocar os assuntos de defesa e a política de combate ao terrorismo.

Ele estava à frente do Ministério do Interior desde 2014, onde substituiu Valls e enfrentou a onda de atentados terroristas com determinação, ganhando o respeito e a confiança dos franceses. Antes de ocupar a pasta do Interior, ele foi ministro adjunto de Assuntos Europeus (2012-2013) e do Orçamento (2013-2014).

Hollande encarregou Cazeneuve de formar um novo governo, como estabelece o protocolo, segundo comunicado do Palácio do Eliseu.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247