Morales se solidariza com Maduro e diz que países sul-americanos não serão quintal dos EUA

"Nossa solidariedade com o povo venezuelano e com o irmão Nicolas Maduro, nestas horas decisivas em que as garras do imperialismo buscam novamente ferir a democracia e a autodeterminação dos povos da América do Sul. Nunca vamos voltar ao quintal dos Estados Unidos", disse o presidente boliviano

Morales se solidariza com Maduro e diz que países sul-americanos não serão quintal dos EUA
Morales se solidariza com Maduro e diz que países sul-americanos não serão quintal dos EUA (Foto: Freddy Zarco/ ABI )

247 - O presidente da Bolívia, Evo Morales, se solidarizou com sua contraparte venezuelana, Nicolas Maduro, que enfrenta uma tentativa de golpe de Estado por parte da oposição. Para Morales, a tentativa de golpe é uma tentativa dos Estados Unidos de voltar a transformar a América do Sul em seu "quintal".

"Nossa solidariedade com o povo venezuelano e com o irmão Nicolas Maduro, nestas horas decisivas em que as garras do imperialismo buscam novamente ferir a democracia e a autodeterminação dos povos da América do Sul. Nunca vamos voltar ao quintal dos Estados Unidos", disse o presidente boliviano.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247