Mourão critica Merkel e chama Trump de 'nosso presidente'

Em evento no Rio Grande do Sul, o vice-presidente associou os tremores da chanceler alemã, Angela Merkel, a um suposto medo do presidente norte-americano. Mourão chamou Trump de "nosso presidente"

Curitiba - PR: Presidente da República em Exercício Hamilton Martins Mourão apresenta Palestra e recebe o Título
Curitiba - PR: Presidente da República em Exercício Hamilton Martins Mourão apresenta Palestra e recebe o Título (Foto: Romero Cunha/VPR)

247 - O vice-presidente do Brasil, Hamilton Mourão, em evento no Rio Grande do Sul, associou os recentes tremores em público da chanceler alemã, Angela Merkel, a um suposto sentimento de medo em relação ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Mourão se referiu ao presidente norte-americano como "nosso presidente".

Declaração foi feita durante apresentação quando o vice-presidente analisava uma foto da cúpula do G7 em 2018. Na foto Merkel aparece em pé e Trump sentado. A análise mais popular na época era a de que a alemã agia como uma adulta que corrige os comportaentos de uma criança, Trump.

Mourão avaliou que os tremores de Angela Merkel teriam origem nesta cena. "Acho que foi por isso que a Merkel começou a ter uns tremores de vez em quando. Observe a postura do japonês Abe, de braços cruzados, tipo assim 'isso não vai dar certo'. É o mundo. Os líderes estão aí, cada um buscando o seu objetivo e nós temos que entender e buscar os nossos".

Conversa entre integrantes da cúpula do G7 em 2018

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247