Obama apresenta medidas contra violência com armas de fogo

"Criamos um sistema em que pessoas perigosas são autorizadas a cumprir regras diferentes", disse o presidente dos Estados Unidos em pronunciamento na Casa Branca, em um discurso emocionado em defesa dos planos do governo de aumentar as verificações de antecedentes de pessoas que querem comprar armas de fogo pela Internet e em feiras de armas

"Criamos um sistema em que pessoas perigosas são autorizadas a cumprir regras diferentes", disse o presidente dos Estados Unidos em pronunciamento na Casa Branca, em um discurso emocionado em defesa dos planos do governo de aumentar as verificações de antecedentes de pessoas que querem comprar armas de fogo pela Internet e em feiras de armas
"Criamos um sistema em que pessoas perigosas são autorizadas a cumprir regras diferentes", disse o presidente dos Estados Unidos em pronunciamento na Casa Branca, em um discurso emocionado em defesa dos planos do governo de aumentar as verificações de antecedentes de pessoas que querem comprar armas de fogo pela Internet e em feiras de armas (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, fez um discurso emocionado nesta terça-feira em defesa dos planos do governo de aumentar as verificações de antecedentes de pessoas que querem comprar armas de fogo pela Internet e em feiras de armas, dizendo que as atuais exceções não fazem sentido.

"Criamos um sistema em que pessoas perigosas são autorizadas a cumprir regras diferentes", disse Obama em pronunciamento na Casa Branca.

Obama disse também que as novas regras "não são um plano para retirar as armas de todo mundo".

"Acredito que podemos encontrar maneiras de reduzir a violência armada de formas consistentes com a Segunda Emenda", afirmou, fazendo referência ao direito constitucional ao porte de armas nos Estados Unidos.

(Reportagem de Roberta Rampton e Ayesha Rascoe)

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247