Obama diz que Rússia violou lei internacional e prepara sanções

Porta-voz do Departamento de Estado dos Estados Unidos disse que o país tem uma ampla gama de opções disponíveis para agir contra a Rússia se as tensões sobre a Ucrânia aumentarem e que Washington prepara sanções para isolar Moscou; presidente Barack Obama afirma que o governo de Vladimir Putin violou a legislação internacional após a intervenção militar

Porta-voz do Departamento de Estado dos Estados Unidos disse que o país tem uma ampla gama de opções disponíveis para agir contra a Rússia se as tensões sobre a Ucrânia aumentarem e que Washington prepara sanções para isolar Moscou; presidente Barack Obama afirma que o governo de Vladimir Putin violou a legislação internacional após a intervenção militar
Porta-voz do Departamento de Estado dos Estados Unidos disse que o país tem uma ampla gama de opções disponíveis para agir contra a Rússia se as tensões sobre a Ucrânia aumentarem e que Washington prepara sanções para isolar Moscou; presidente Barack Obama afirma que o governo de Vladimir Putin violou a legislação internacional após a intervenção militar (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

WASHINGTON, 3 Mar (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou nesta segunda-feira que a Rússia violou a legislação internacional após a intervenção militar na Ucrânia e disse que o governo dos EUA tem alertado que vai buscar uma série de sanções econômicas e diplomáticas que isolarão Moscou.

O presidente russo, Vladimir Putin, precisa permitir que monitores internacionais medeiem de um acordo na Ucrânia que seja aceitável por todos os ucranianos, disse Obama a jornalistas antes de se reunir com o premiê israelense, Benjamin Netanyahu.

"Ao longo do tempo isso será custoso para a Rússia. E agora é o momento para eles considerarem se podem cumprir seus interesses através da diplomacia e não pela força", disse Obama.

(Por Mark Felsenthal, Roberta Rampton e Matt Spetalnick)

Sanções

Os Estados Unidos têm uma ampla gama de opções disponíveis para agir contra a Rússia se as tensões sobre a Ucrânia aumentarem e Washington está atualmente preparando sanções contra Moscou, afirmou uma porta-voz do Departamento de Estado dos EUA nesta segunda-feira.

"Neste momento não estamos considerando apenas sanções diante das ações que a Rússia está tomando, provavelmente vamos colocar essas medidas em prática e estamos preparando isso", disse a porta-voz do Departamento de Estado, Jen Psaki, a jornalistas. "Temos uma ampla gama de opções disponíveis."

(Por Lesley Wroughton)

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email