Parlamento da Ucrânia estende lei marcial por mais 90 dias

Foram 320 votos a favor da medida no parlamento, que tem 450 integrantes. Agora, Volodymyr Zelensky deve assinar a medida em forma de lei

www.brasil247.com -
(Foto: REUTERS/Roman Baluk)


247 - O parlamento ucraniano estendeu, neste domingo, 22, a lei marcial no país por mais 90 dias, até 23 de agosto. Foram 320 votos a favor da medida no parlamento, que tem 450 integrantes. Agora, Volodymyr Zelensky deve assinar a medida em forma de lei.

A lei marcial prevê a mobilização militar geral e proíbe homens entre 18 e 60 anos a saírem da Ucrânia.

Segundo Zelensky, a medida é “para garantir a defesa do Estado, mantendo a prontidão ampla de combate e movimentação das forças armadas da Ucrânia e outras formações militares”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A lei marcial diz que “a mobilização deverá ser realizada no prazo de 90 dias a contar da data de entrada em vigor deste decreto”. A mobilização também instrui “o Serviço de Segurança da Ucrânia a tomar medidas de contrainteligência durante a mobilização geral”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Zelensky ainda ordenou o “recrutamento de recrutas, reservistas para o serviço militar, sua entrega a unidades militares e instituições das Forças Armadas da Ucrânia”, assim como outros serviços de segurança do Estado.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email