PIB da China saltou para US$ 12 trilhões nos últimos cinco anos

Xi Jinping disse nesta quarta-feira que o PIB da China saltou de 54 para 80 trilhões de yuans (US$ 12,1 trilhões) nos últimos cinco anos; Xi fez a declaração em um relatório para o 19º Congresso Nacional do PCC; "A economia nacional manteve um crescimento em um ritmo médio-alto, fazendo da China uma líder entre as principais economias"; China se manteve firmemente como a segunda maior economia do mundo, respondendo por mais de 30% do crescimento global, disse Xi

Presidente da China, Xi Jinping, durante pronunciamento em congresso, em Pequim 18/10/2017 REUTERS/Aly Song
Presidente da China, Xi Jinping, durante pronunciamento em congresso, em Pequim 18/10/2017 REUTERS/Aly Song (Foto: José Barbacena)

Xinhua - Xi Jinping disse nesta quarta-feira que o PIB da China saltou de 54 para 80 trilhões de yuans (US$ 12,1 trilhões) nos últimos cinco anos.

Xi fez a declaração em um relatório para o 19º Congresso Nacional do PCC. "A economia nacional manteve um crescimento em um ritmo médio-alto, fazendo da China uma líder entre as principais economias."

A China se manteve firmemente como a segunda maior economia do mundo, respondendo por mais de 30% do crescimento global, disse Xi.

O rápido crescimento do PIB é um dos principais êxitos econômicos sob a liderança do PCC nos últimos cinco anos desde o 18º Congresso Nacional em 2012.

A estrutura econômica melhorou estavelmente na medida em que a reforma estrutural no lado de oferta obteve maiores progressos, disse.
Os últimos cinco anos também tiveram avanços estáveis na modernização agrícola, e a capacidade de produção de cereais atingiu 600 milhões de toneladas, acrescentou.

O nível de urbanização aumentou em uma média anual de 1,2 ponto percentual, e mais de 80 milhões de migrantes rurais que foram para as cidades ganharam o registro de residência permanente, apontou.

"As novas instituições da economia aberta vem se aperfeiçoando gradualmente. A China agora é líder mundial em comércio, investimento no exterior e reservas cambiais."

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247