Polícia francesa prende suspeito de planejar ataque na noite de Ano Novo

A polícia francesa prendeu um homem suspeito de ter planejado um ataque na noite de Ano Novo no país, disse uma fonte policial nesta quarta (28); duas outras pessoas, uma delas suspeita de ter planejado um ataque contra a polícia, foram presas em outra operação em Toulouse, no sudoeste do país

A polícia francesa prendeu um homem suspeito de ter planejado um ataque na noite de Ano Novo no país, disse uma fonte policial nesta quarta (28); duas outras pessoas, uma delas suspeita de ter planejado um ataque contra a polícia, foram presas em outra operação em Toulouse, no sudoeste do país
A polícia francesa prendeu um homem suspeito de ter planejado um ataque na noite de Ano Novo no país, disse uma fonte policial nesta quarta (28); duas outras pessoas, uma delas suspeita de ter planejado um ataque contra a polícia, foram presas em outra operação em Toulouse, no sudoeste do país (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

PARIS (Reuters) - A polícia francesa prendeu um homem suspeito de ter planejado um ataque na noite de Ano Novo no país, disse uma fonte policial nesta quarta-feira.

Duas outras pessoas, uma delas suspeita de ter planejado um ataque contra a polícia, foram presas em outra operação em Toulouse, no sudoeste do país, disse a fonte.

França, Reino Unido e Alemanha, que foram alvos de ataques de militantes islâmicos, aumentaram a presença da polícia em locais turísticos nas grandes cidades e em outras áreas de maior população após um ataque em um mercado natalino de Berlim neste mês.

O homem preso em Cugnaux, no oeste de Toulouse, é "conhecido da polícia, e é suspeito de querer realizar um ataque em 31 de dezembro", disse a fonte policial.

A fonte também confirmou as outras prisões e disse que elas foram efetuadas na terça-feira e faziam parte de dois casos separados.

(Reportagem de Simon Carraud)

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email