Após invasão do Capitólio, Congresso dos EUA retoma sessão para certificar vitória de Biden

Anúncio de retomada da sessão havia sido feito mais cedo pela presidente da Câmara, Nancy Pelosi, que também teve seu gabinete invadido pelos apoiadores de Trump. Deputados e senadores ficarão reunidos ao longo da madrugada para chancelar os votos da eleição

Nancy Pelosi
Nancy Pelosi (Foto: reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A sessão do Congresso dos EUA destinada a ratificar a eleição de Joe Biden, interrompida durante a tarde pela invasão do Capitólio por hordas trumpistas, foi retomada na noite desta quarta-feira (6). Os deputados e senadores ficarão reunidos ao longo da madrugada para terminar de analisar os votos da eleição presidencial, que derrotou Donald Trump.

O anúncio da retomada havia sido feito pela presidente da Câmara, deputada Nancy Pelosi: "Decidimos que devemos prosseguir esta noite no Capitólio assim que estiver liberado para uso. O líder Hoyer enviará mais orientações mais tarde hoje".

Em uma carta aos deputados e deputadas, Pelosi afirmou ter chegado a essa decisão após consultar sua equipe de liderança e uma série de ligações para o Pentágono, o Departamento de Justiça e o vice-presidente Mike Pence. Ela não fez menção ao presidente. O senador Chuck Schumer, de Nova York, o líder democrata, disse que a votação será retomada às 20h (22h de Brasília), informou o New York Times.

“Sempre soubemos que essa responsabilidade nos levaria noite adentro”, escreveu Pelosi. “Também sabíamos que hoje faríamos parte da história de forma positiva, apesar das objeções infundadas ao voto do Colégio Eleitoral. Agora faremos parte da história, quando tão vergonhosa imagem do nosso país foi transmitida ao mundo, instigada ao mais alto nível.”

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247