Presidente do Banco Mundial diz que Venezuela é 'profunda preocupação'

O presidente do Banco Mundial, David Malpass, disse que a Venezuela é uma espécie de "profunda preocupação" e que o banco está se preparando para "envolver-se profundamente" no alívio da situação econômica e social do país, considerada como "crise humanitária"

Presidente do Banco Mundial diz que Venezuela é 'profunda preocupação'
Presidente do Banco Mundial diz que Venezuela é 'profunda preocupação'

Reuters - O presidente do Banco Mundial, David Malpass, disse que a Venezuela é uma espécie de "profunda preocupação" e que o banco está se preparando para "envolver-se profundamente" no alívio da situação econômica e social do país, considerada como "crise humanitária".

Malpass disse, porém, que não cabe a ele e sim aos acionistas do Banco Mundial a decisão de reconhecer ou não Juan Guaidó como o líder do país.

Malpass, que assumiu a presidência do Banco Mundial na terça-feira (9), disse em entrevista coletiva que a Venezuela é "uma espécie de profunda preocupação" para o Banco Mundial.

"O Banco Mundial estará profundamente envolvido e estamos nos preparando para isso, mas a situação ainda é incômoda na área", disse Malpass.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247