Putin conversou com Merkel e Macron sobre provocação da Ucrânia

O presidente russo, Vladimir Putin, expôs em detalhes ao presidente francês, Emmanel Macron, e à chanceler federal alemã, Angela Merkel, a provocação da Ucrânia no Mar Negro, informou neste domingo (2) o chanceler russo, Serguei Lavrov; também com Trump o líder russo teve oportunidade de ao menos informar sobre oque de fato ocorreu no incidente com a marinha ucraniana

Putin conversou com Merkel e Macron sobre provocação da Ucrânia
Putin conversou com Merkel e Macron sobre provocação da Ucrânia

247, com Prensa Latina - O presidente russo, Vladimir Putin, expôs em detalhes ao presidente francês, Emmanel Macron, e à chanceler federal alemã, Angela Merkel, a provocação da Ucrânia no Mar Negro, informou neste domingo (2) o chanceler russo, Serguei Lavrov.

"O presidente russo explicou como ocorreu a provocação, quem teve a ideia e como tentaram levá-la a cabo, assim como o profissionalismo dos guardas de fronteiras que neste caso atuaram para evitar consequências negativas", declarou Lavrov à televisão em Moscou.

"Em nenhum momento escutei uma reação de Macron ou Merkel em objeção ao que Putin lhes contou", comentou o chefe da diplomacia russa sobre as reuniões realizadas durante a Cúpula do G20, em Buenos Aires.

Ao referir-se a seu breve encontro na Cúpula com o presidente estadunidense, Donald Trump, na capital argentina, Putin comentou que em poucas palavras respondeu suas perguntas relacionadas com o incidente da semana passada no Mar Negro.

"Ele tem sua própria posição sobre estes assuntos e problemas, eu tenho a minha. Seguimos sem nos convencer mutuamente, mas em todo caso dei-lhe uma informação sobre nossa visão do incidente", disse Putin.

Sobre as conversas com Macron e Merkel, o mandatário russo considerou que a reação deles sobre o tema ucraniano foi tranquila."Não sei se ficaram convencidos ou não, mas fixei minha posição e mostrei a cronologia dos fatos", indicou.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247