Putin é o grande vencedor do Brexit, diz ex-embaixador americano

Michael McFaul, ex-embaixador norte-americano em Moscou, disse que o Brexit é vantajoso para o presidente russo Vladimir Putin; "Putin, é claro, não causou o voto a favor do Brexit, mas ele e seus objetivos na política externa vão ganhar enormemente com isso", disse; diplomata destaca que os resultados do referendo reforçam as posições dos eurocéticos, que muitas vezes são aliados de Moscou  

Michael McFaul, ex-embaixador norte-americano em Moscou, disse que o Brexit é vantajoso para o presidente russo Vladimir Putin; "Putin, é claro, não causou o voto a favor do Brexit, mas ele e seus objetivos na política externa vão ganhar enormemente com isso", disse; diplomata destaca que os resultados do referendo reforçam as posições dos eurocéticos, que muitas vezes são aliados de Moscou
 
Michael McFaul, ex-embaixador norte-americano em Moscou, disse que o Brexit é vantajoso para o presidente russo Vladimir Putin; "Putin, é claro, não causou o voto a favor do Brexit, mas ele e seus objetivos na política externa vão ganhar enormemente com isso", disse; diplomata destaca que os resultados do referendo reforçam as posições dos eurocéticos, que muitas vezes são aliados de Moscou   (Foto: Aquiles Lins)

Agência Sputnik Brasil - Michael McFaul, ex-embaixador norte-americano em Moscou explicou as suas palavras quando disse que o Brexit é vantajoso para o presidente russo Vladimir Putin, escreve o jornal The Washington Post.

A Europa, notou o diplomata, está a enfraquecer atualmente, enquanto a Rússia, seus aliados e organizações multilaterais estão a consolidar-se e atraem novos membros.

"Putin, é claro, não causou o voto a favor do Brexit, mas ele e seus objetivos na política externa vão ganhar enormemente com isso", disse McFaul. 

O diplomata destaca que os resultados do referendo reforçam as posições dos eurocéticos, que muitas vezes são aliados de Moscou. O Brexit também prejudica as posições dos adversários da Rússia na Ucrânia.

No dia do anúncio dos resultados do referendo (24) Vladimir Putin respondeu à acusação sobre a suposta intervenção russa e disse que a Rússia acompanhou atentamente os acontecimentos mais não influiu de forma alguma sobre esse processo, nem tentou fazê-lo.

 

 

Conheça a TV 247

Mais de Mundo

Ao vivo na TV 247 Youtube 247