Recente ataque de Israel à Síria matou três oficiais e diretor do Aeroporto de Damasco

De acordo com um oficial, o ataque foi realizado com mísseis da direção dos Montes Golan ocupados por Israel

www.brasil247.com -
(Foto: Wikimedia)


SouthFront - O número de mortos do ataque israelense de 20 de maio contra a Síria, que teve como alvo a periferia sul da capital Damasco, aumentou para quatro.

Inicialmente, um oficial militar sírio disse que o ataque custou a vida de três oficiais, que foram identificados como Capitão Ayham Shaaban, Tenente Yasser Al-Aduj e Tenente Ghadeer Alia. Todos os três foram reportados como operadores de defesa aérea.

De acordo com o oficial, o ataque foi realizado com mísseis da direção dos Montes Golan ocupados por Israel.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em 21 de maio pela manhã, Omar al-Shiekh, um dos diretores do departamento de navegação do Aeroporto Internacional de Damasco, sucumbiu aos ferimentos que sofreu como resultado do ataque israelense. Isto confirmou que o aeroporto foi atingido durante o ataque.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A TV al-Arabiya, com sede nos Emirados Árabes Unidos, disse que o alvo do ataque era um carregamento de armas iranianas que estava a caminho do Aeroporto Internacional de Damasco para o Hezbollah, no Líbano.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Exatamente 12 horas antes do ataque, as Forças de Defesa Israelenses acusaram o Hezbollah e o Corpo de Guarda Revolucionário Islâmico do Irã de contrabandear "armas estratégicas" para o Líbano através do Aeroporto Internacional de Damasco. As Forças de Defesa Israelenses alegaram que as armas estavam sendo contrabandeadas em voos civis.

O Aeroporto Internacional de Damasco não era provavelmente o único alvo do ataque israelense. Explosões e incêndios também foram relatados na cidade xiita de Set Zaynab, onde o Hezbollah e o Corpo de Guarda Revolucionário Islâmico são conhecidos por estarem presentes e ativos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mais informações sobre o ataque israelense, que foi o terceiro a atacar a Síria em maio, provavelmente virão à tona nos próximos dias.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email