Rússia alerta que EUA estão treinando milícias perto de sua base na Síria

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia adverte que os EUA estão estimulando a presença de milícias nas proximidades da base russa na Síria, o que dificulta ainda mais o combate ao terrorismo no país árabe

Tropas estadunidenses na Síria
Tropas estadunidenses na Síria (Foto: Sputnik)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - Em zonas da Síria onde se registra presença ilegal de forças dos EUA, o problema dos terroristas "não só não está resolvido, como, pelo contrário, eles são encorajados a prosseguir as suas atividades", disse a representante oficial da chancelaria russa, Maria Zakharova.

As tropas dos EUA que se encontram ilegalmente no território da Síria estão treinando milícias no sul do país, onde se localiza a base militar norte-americana de Al-Tanf, disse na quinta-feira (16) Zakharova.

"Recebemos informações de que os que ocupam a chamada 'zona de segurança' em torno da localidade de Al-Tanf [os norte-americanos], estão treinando e fornecendo armas aos milicianos dos grupos armados ilegais Maghawir al-Thawra", afirmou a representante oficial.

"Isto é feito a fim de realizar ações de sabotagem em outras partes da Síria", explicou.

Na semana passada a defesa antiaérea russa derrubou dois drones lançados em direção à base aérea de Hmeymim.

A Síria enfrenta um conflito desde março de 2011, no qual as forças do governo enfrentam facções da oposição armada e grupos terroristas.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247