Rússia não exclui terrorismo como causa da queda de avião, diz ministro

O ministro dos Transportes da Rússia, Maxim Sokolov afirmou que investigadores estão estudando todas as hipóteses para a queda do avião Tu-154 no mar negro; ele não descartou a possibilidade de terrorismo; mais cedo, autoridades russas haviam rejeitado a hipótese; Sokolov acrescentou que ainda é cedo para especular sobre as causas do acidente

O ministro dos Transportes da Rússia, Maxim Sokolov afirmou que investigadores estão estudando todas as hipóteses para a queda do avião Tu-154 no mar negro; ele não descartou a possibilidade de terrorismo; mais cedo, autoridades russas haviam rejeitado a hipótese; Sokolov acrescentou que ainda é cedo para especular sobre as causas do acidente
O ministro dos Transportes da Rússia, Maxim Sokolov afirmou que investigadores estão estudando todas as hipóteses para a queda do avião Tu-154 no mar negro; ele não descartou a possibilidade de terrorismo; mais cedo, autoridades russas haviam rejeitado a hipótese; Sokolov acrescentou que ainda é cedo para especular sobre as causas do acidente (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Agência Sputnik Brasil - O Comitê de Investigação russo vai assumir as investigações, informou um representante do grupo.

O ministro dos Transportes da Rússia, Maxim Sokolov afirmou que investigadores estão estudando todas as hipóteses para a queda de um avião Tu-154 no mar negro.

Ele não descartou a possibilidade de terrorismo. Mais cedo, autoridades russas haviam rejeitado a hipótese. Sokolov acrescentou que ainda é cedo para especular sobre as causas do acidente.

O chefe do Comitê de Investigação russo, Alexander Bastrykin também anunciou há pouco que tomou o controle da investigação, disse um representante da comissão, Svetlana Petrenko.

"O curso de uma investigação criminal está sob o controle pessoal do presidente do Comitê de Investigação [Bastrykin]", disse Petrenko em um comunicado.

Mesmo com a possibilidade de terrorismo sobre a mesa, mau funcionamento técnico ou falha humana parecem ser as causas do acidente, disse uma fonte do serviço de segurança à Sputnik.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email