Rússia não manterá obrigações de Tratado Nuclear se EUA o abandonarem

Moscou não manterá nenhuma obrigação quanto ao Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário (INF, na sigla em inglês), se os EUA o abandonarem, declarou o chefe do Departamento para a Não Proliferação e Controle de Armamentos da chancelaria russa, Vladimir Ermakov

Rússia não manterá obrigações de Tratado Nuclear se EUA o abandonarem
Rússia não manterá obrigações de Tratado Nuclear se EUA o abandonarem (Foto: REUTERS/Jorge Silva)

247, com Sputnik - Moscou não manterá nenhuma obrigação quanto ao Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário (INF, na sigla em inglês), se os EUA o abandonarem, declarou o chefe do Departamento para a Não Proliferação e Controle de Armamentos da chancelaria russa, Vladimir Ermakov.

"Washington deve levar em consideração que, se os EUA abandonarem o Tratado INF, esse acordo deixará de estar em vigor e toda a responsabilidade pela destruição de um dos pilares da estabilidade estratégica será dos EUA", destacou.

Nas suas palavras, é isso precisamente que Moscou tenta agora explicar a Washington e talvez "pelo menos isso faça com que a parte norte-americana avalie sensatamente a situação e não destrua o Tratado INF, que continua sendo um dos exemplos positivos de desarmamento nuclear e de mísseis".

Ao mesmo tempo, o diplomata indicou que os Estados Unidos elaboraram planos de sair do acordo em questão ainda no início dos anos 2000, imediatamente depois de Washington ter abandonado o Tratado sobre Mísseis Antibalísticos (ABM, na sigla em inglês).

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247