Suspeito de ligação com atentado em Barcelona é preso no Marrocos

Polícia do Marrocos prendeu um indivíduo de 34 anos suspeito de ter envolvimento com o atentado de Barcelona; prisão ocorreu em Uxda, no extremo Nordeste do país, onde o homem está sendo interrogado; suspeito viveu no mesmo bairro da cidade de Ripoll, na Catalunha, onde morava Moussa Oukabir, um dos responsáveis pelo ataque e a proximidade entre eles está sendo investigada pelas autoridades marroquinas, suspeito é "fortemente radicalizado" e declarou sua lealdade ao Estado Islâmico; além disso, ele estaria preparando vários atentados, entre eles um ataque contra a embaixada da Espanha em Rabat

Forças de segurança acompanham um dos quatro detidos por relação com ataque de Barcelona, em Madri 21/08/2017 REUTERS/Juan Medina
Forças de segurança acompanham um dos quatro detidos por relação com ataque de Barcelona, em Madri 21/08/2017 REUTERS/Juan Medina (Foto: Paulo Emílio)

Agência Brasil - A polícia do Marrocos prendeu um indivíduo de 34 anos suspeito de ter envolvimento com o atentado de Barcelona, informou a emissora oficial do país 2M.

A prisão ocorreu em Uxda, no extremo Nordeste do país, onde o homem está sendo interrogado, segundo a emissora, que cita fontes próximas ao caso. Outro veículo da imprensa marroquina indica que a detenção ocorreu na madrugada de domingo (20).

A Agência EFE entrou em contato com o Ministério do Interior do Marrocos, que disse não poder confirmar a prisão por enquanto.

O suspeito viveu no mesmo bairro da cidade de Ripoll, na Catalunha, onde morava Moussa Oukabir, um dos responsáveis pelo ataque. A proximidade do indivíduo preso hoje e Oukabir está sendo investigada pelas autoridades marroquinas.

A emissora oficial do Marrocos afirma ainda que outro marroquino que vivia na Espanha foi preso em Nador, mas ainda não está claro se ele teve envolvimento no ataque ou conhece os terroristas.

Esse segundo homem, de acordo com a emissora, é "fortemente radicalizado" e declarou sua lealdade ao Estado Islâmico. Além disso, ele estaria preparando vários atentados, entre eles um ataque contra a embaixada da Espanha em Rabat.

A 2M informou que um grupo de especialistas da polícia do Marrocos está em Barcelona para apoiar as investigações sobre os terroristas e seus laços na região.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247