Tiroteio em escola e carta-bomba elevam tensão contra terror na França

Tiroteio em uma escola na cidade meridional de Grasse, na França, resultou em diversas pessoas feridas nesta quinta-feira (16). Presidente francês, François Hollande, qualificou o caso caso como sendo "um atentado; mais cedo, a explosão de uma carta-bomba na sede do Fundo Monetário Internacional (FMI), em Paris, deixou uma pessoa ferida. Episódio também está sendo tratado como um atentado terrorista

Policiais franceses de grupo antiterrorista
Policiais franceses de grupo antiterrorista (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 com agências internacionais - Tiroteio em uma escola na cidade meridional de Grasse, na França, resultou em diversas pessoas feridas nesta quinta-feira (16). Presidente francês, François Hollande, qualificou o caso caso como sendo "um atentado. Mais cedo, a explosão de uma carta-bomba na sede do Fundo Monetário Internacional (FMI), em Paris, deixou uma pessoa ferida. Episódio também está sendo tratado como um atentado terrorista.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247