Trump: Batalha entre EUA e Rússia na Síria foi ‘um triste acontecimento’

"Tivemos uma luta muito, muito severa na Síria recentemente, um mês atrás, entre nossas tropas e as tropas russas", disse o presidente Donald Trump; "É muito triste, mas muitas pessoas morreram nessa luta"

"Tivemos uma luta muito, muito severa na Síria recentemente, um mês atrás, entre nossas tropas e as tropas russas", disse o presidente Donald Trump; "É muito triste, mas muitas pessoas morreram nessa luta"
"Tivemos uma luta muito, muito severa na Síria recentemente, um mês atrás, entre nossas tropas e as tropas russas", disse o presidente Donald Trump; "É muito triste, mas muitas pessoas morreram nessa luta" (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Agência Sputnik - O presidente Donald Trump disse na quarta-feira que a batalha entre as forças dos EUA e cidadãos russos na Síria foi um triste acontecimento.

"Tivemos uma luta muito, muito severa na Síria recentemente, um mês atrás, entre nossas tropas e as tropas russas", disse Trump na quarta-feira durante uma coletiva de imprensa conjunta com o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe. "É muito triste, mas muitas pessoas morreram nessa luta."

Em 20 de fevereiro, o Ministério das Relações Exteriores russo disse que várias dezenas de cidadãos da Rússia e dos países da CEI, que não eram militares foram feridos em um confronto na Síria. O ministério disse que os cidadãos russos estavam presentes na Síria, observando que eles foram para lá por sua própria vontade por várias razões.

Em fevereiro, a coalizão liderada pelos EUA que lutava contra o grupo terrorista Daesh (autodenominado Estado Islâmico) disse que havia realizado ataques aéreos defensivos contra as forças pró-governo na Síria que atacaram a sede das Forças Democráticas da Síria (SDF) apoiadas pelos EUA. Logo depois, a mídia informou que pelo menos 100 soldados pró-governo sírios foram mortos nos ataques da Coalizão.

Em 12 de abril, o diretor da CIA disse, durante uma audiência de nomeação, que algumas centenas de russos foram mortos durante a batalha e citou esta como uma das maiores conquistas da administração Trump.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247