Trump defende retirada de tropas da Síria durante visita surpresa ao Iraque

Trump disse que havia dito a seus assessores que os EUA sairiam da Síria, mas foi persuadido a ficar, antes de mudar de ideia novamente e confirmar que trará os 2.000 soldados de volta para o país

Trump defende retirada de tropas da Síria durante visita surpresa ao Iraque
Trump defende retirada de tropas da Síria durante visita surpresa ao Iraque (Foto: REUTERS/Joshua Roberts)

Reuters - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, defendeu nesta quarta-feira (26) sua decisão de retirar tropas norte-americanas da Síria durante uma visita surpresa ao Iraque, dizendo que muitas pessoas vão concordar com o modo dele de pensar.

Trump tomou abruptamente a decisão sobre a Síria na semana passada, contra o conselho dos principais assessores, incluindo o secretário de Defesa James Mattis, que pediu demissão no dia seguinte.

Trump disse que havia dito a seus assessores que os EUA sairiam da Síria, mas foi persuadido a ficar, antes de decidir trazer os 2.000 soldados de volta para casa.

“Acho que muitas pessoas vão pensar no meu modo de pensar. É hora de começarmos a usar a cabeça”, afirmou o presidente a repórteres na Base Aérea Al Asad, a oeste de Bagdá, onde ele e a primeira-dama Melania Trump passaram três horas em visita a tropas dos EUA.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247