Trump pede que Banco Central ajude a combater UE e China no comércio externo

Donald Trump pediu nesta segunda-feira (29) que o Banco Central estadunidense corte as taxas de juros para melhorar a competitividade do país

(Foto: Reuters)

EFE - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou a pedir nesta segunda-feira um corte nas taxas de juros e lamentou que, enquanto União Europeia (UE) e China reduzirão as taxas, o Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA) "provavelmente fará pouco em comparação".

"UE e China reduzirão ainda mais as suas taxas de juros e injetarão mais dinheiro em seus sistemas, tornando muito mais fácil para seus fabricantes a venda dos seus produtos. 

Enquanto isso, e com inflação muito baixa, nosso Fed não faz nada, e provavelmente fará pouco em comparação. Que pena!", escreveu Trump no Twitter às vésperas da reunião do Fed.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247