Trump pode unir contra si voto feminino branco e negro, avalia historiadora

Professora da Universidade Johns Hopkins, a historiadora Martha Jones avalia que o presidente americano, Donald Trump, não deve ter votações expressivas entre as mulheres brancos e o povo negro. Outro dia me perguntaram como poderíamos ajudar as mulheres negras a votar", disse. "Precisamos é prestar atenção no que elas fazem e adotar as estratégias que elas usam"

Historiadora Martha Jones e Donald Trump
Historiadora Martha Jones e Donald Trump (Foto: ARQUIVO PESSOAL | Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Professora da Universidade Johns Hopkins, a historiadora Martha Jones afirmou que as mulheres e os negros devem se unir em massa contra o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, candidato à reeleição. A entrevista foi concedida à BBC News

"As mulheres negras se organizam e votam em bloco. As mulheres brancas estão divididas entre partidos e ideologias. Não há dúvida de que as mulheres negras e brancas enxergam política de maneira diferente, usam o voto de jeitos diferentes", disse a estudiosa, autora do livro Vanguard - How Black Women Broke Barriers, Won the Vote and Insisted on Equality for All (Em tradução livre: Vanguarda - Como as mulheres negras quebraram barreiras, conquistaram o voto e insistiram na igualdade para todos

Um levantamento recente feito pelo jornal Washington Post/ABC News mostrou o candidato democrata Joe Biden na liderança entre as mulheres por 23 pontos percentuais.

A analista sugere que as pessoas prestem atenção em como o movimento feminino negro faz política "no chão". "Elas entendem esse tipo de política, que envolve organização na base. Outro dia me perguntaram como poderíamos ajudar as mulheres negras a votar. Elas não precisam de ajuda. Precisamos é prestar atenção no que elas fazem e adotar as estratégias que elas usam", acrescenta.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247