Trump sugere injetar desinfetante em pacientes com Covid-19

"Existe uma maneira de fazer algo assim por injeção por dentro ou quase uma limpeza", sugeriu o presidente dos EUA, que também defendeu uso de luz para matar o vírus

(Foto: Casa Branca/Andrea Hanks)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, promoveu um novo ataque à Ciência nesta quinta-feira (23). Durante sua entrevista coletiva diária para falar sobre os casos de coronavírus, Trump sugeriu o uso de desinfetante para pacientes atingidos pela doença.  

“Suponha que atingimos o corpo com uma luz tremenda. Isso não foi verificado. O desinfetante, que o derruba em um minuto ... existe uma maneira de fazer algo assim por injeção por dentro ou quase uma limpeza", afirmou o presidente dos Estados Unidos. 

Segundo dados da Universidade John Hopkins, os Estados Unidos registraram nesta quinta-feira mais de 866 mil casos confirmados de Covid-19 e 49,7 mil mortes. 

Assista:

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247