Trump volta a denunciar suposta fraude na Pensilvânia e no Michigan, que permitiram vitória de Biden

“O que me preocupa é que tivemos mais de cem milhões de cédulas de correio em cidades como Filadélfia e Detroit, com uma longa série de problemas eleitorais”, compartilhou Trump. As duas cidades mencionadas ficam, respectivamente, na Pensilvânia e no Michigan, estados que foram fundamentais para eleger Biden

Trump
Trump (Foto: REUTERS/Jonathan Ernst)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Candidato republicano, Donald Trump voltou a questionar neste domingo, 8, a vitória de Joe Biden. O atual presidente dos Estados Unidos reforçou novamente que ocorreu uma fraude eleitoral no país.

No Twitter, Trump compartilhou uma declaração do criminalista Jonathan Turley que fala em fraude e que o país tem “história de problemas eleitorais”.

 

“Devíamos olhar os votos. Estamos apenas começando o estágio de tabulação. Devemos examinar essas alegações. Estamos vendo uma série de declarações de que houve fraude de eleitores. Temos neste país uma história de problemas eleitorais”.

“Na Pensilvânia, você recebeu uma ordem de um juiz da Suprema Corte para obrigá-los a separar as cédulas recebidas após o prazo legislativo. É necessária a intervenção do ministro [Samuel] Alito”.

“Esse é um grande grupo de cédulas. Quando você fala sobre problemas sistêmicos, é sobre como essas cédulas foram autenticadas, porque se houver um problema no sistema de autenticação, isso afetaria seriamente TODA A ELEIÇÃO - E o que me preocupa é que tivemos mais de cem milhões de votos por correspondência em cidades como Filadélfia e Detroit, com uma longa série de problemas eleitorais (para dizer o mínimo).”

As duas cidades mencionadas ficam, respectivamente, na Pensilvânia e no Michigan, estados que foram fundamentais para eleger Biden. Foram os votos nestas cidades que permitiram que o democrata conquistasse os estados e ganhasse as eleições.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247