'Uma loucura', diz ex-presidente colombiano e Nobel da Paz sobre ações de Bolsonaro na pandemia

Ex-presidente da Colômbia e receptor do Prêmio Nobel da Paz, Juan Manuel Santos criticou a postura de Jair Bolsonaro na pandemia do coronavírus. "É uma loucura o que está acontecendo no Brasil. É uma liderança que em vez de estar ajudando a resolver o problema, está contribuindo para piorar o problema"

Juan Manuel Santos
Juan Manuel Santos (Foto: Jaime Saldarriaga/Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-presidente da Colômbia e receptor do Prêmio Nobel da Paz, Juan Manuel Santos, disse que é "uma loucura" como o Brasil, governado por Jair Bolsonaro, está conduzindo a pandemia do coronavírus. 

"É uma loucura. É uma liderança que em vez de estar ajudando a resolver o problema, está contribuindo para piorar o problema", afirmou durante entrevista à BBC News Brasil.

"Vou ser um pouco duro. É uma loucura. É uma loucura o que está acontecendo no Brasil. É uma liderança que em vez de estar ajudando a resolver o problema, está contribuindo para piorar o problema. E isso repercute no resto da região porque o Brasil é um país muito grande. Então, essa situação no Brasil é um péssimo exemplo da região. É uma política que está produzindo um fracasso total, uma verdadeira tragédia para os brasileiros e para o mundo", acrescentou.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247