Venezuela critica “atitude passiva” da polícia contra invasores da embaixada

Em Comunicado, o governo venezuelano denuncia que o Brasil não cumpriu com sua obrigação de proteger embaixada e pessoal da missão diplomática e critica a “atitude passiva das autoridades policiais brasileiras" diante da invasão da embaixada do país por grupos ligados ao opositor Juan Guaidó

Embaixada da Venezuela é invadida em Brasília
Embaixada da Venezuela é invadida em Brasília (Foto: Divulgação/Twitter)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em comunicado, o governo da República Bolivariana da Venezuela denuncia "o violento assalto da sua Embaixada em Brasília e exige do governo da República Federativa do Brasil o cumprimento da Convenção de Viena sobre Relações Diplomáticas e a proteção de seu corpo diplomático".

A nota critica o governo brasileiro e a Polícia Militar por não atuar para proteger e resguardar a embaixada de "grupos políticos violentos ligados à oposição venezuelana” e a “atitude passiva das autoridades policiais brasileiras, em desatenção a suas obrigações de proteção das sedes diplomáticas e de seu pessoal”.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247