Vice-premiê de Cuba visita a Rússia em busca de mais cooperação

O vice-primeiro-ministro cubano, Ricardo Cabrisas, está na Rússia em viagem diplomática e em busca de maior cooperação econômica

www.brasil247.com -
(Foto: Prensa Latina)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - O vice-primeiro-ministro cubano Ricardo Cabrisas deu continuidade na terça-feira (23) ao seu extenso programa de encontros com altos funcionários e empresários russos, aos quais ofereceu uma explicação abrangente sobre a complexa situação econômica que enfrenta a ilha caribenha.

O governante cubano encontrou-se com o ministro interino da Defesa Civil e Situações de Emergência, Alexander Chupriyan; com o presidente do Grupo GAZ, Vadim Sorokin; e com o CEO da petroleira Zarubezhneft JSC, Sergei Kudryashov.

Durante os intercâmbios em Moscou, Cabrisas explicou que os principais problemas que afetam o país estão ligados ao aumento do bloqueio dos Estados Unidos a Cuba, ao impacto do Covid-19 e aos efeitos das mudanças climáticas.

PUBLICIDADE

O líder cubano agradeceu as doações de alimentos e medicamentos enviados pela Rússia à nação antilhana para contribuir no combate à pandemia.

Nesse sentido, destacou as relações de fraternidade e solidariedade que unem os povos e governos da Rússia e de Cuba, baseadas em laços históricos que, frisou, são indestrutíveis.

PUBLICIDADE

As partes ratificaram a disposição de continuar desenvolvendo as relações bilaterais, com ênfase nas esferas econômica, comercial, financeira e de cooperação, em linha com o excelente estado das relações políticas existentes entre os dois países.

Ontem, o vice-primeiro-ministro cubano se reuniu com o primeiro vice-presidente da Duma de Estado (Câmara Baixa do Parlamento) da Rússia, Ivan Melnikov, com quem discutiu as relações bilaterais.

PUBLICIDADE

Ele também conversou com o deputado e vice-presidente do Comitê Legislativo de Finanças, Vadim Kumin, e com o vice-presidente do Banco Internacional de Investimentos, Georgy Potapov, informa a Prensa Latina. 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email