Vida de Assange estará em risco em caso de extradição, diz advogado

Questionado por jornalistas se temia pela vida de seu cliente, o advogado de Julian Assange no Equador, Carlos Poveda, respondeu, em referência à possibilidade de extradição: "Obviamente, porque há pena perpétua e também há pena capital [nos EUA]"

Vida de Assange estará em risco em caso de extradição, diz advogado
Vida de Assange estará em risco em caso de extradição, diz advogado (Foto: Reuters)

247 - O advogado de Julian Assange no Equador, Carlos Poveda, disse temer pela vida de seu cliente se ele for extraditado para os EUA e afirma que o jornalista, preso nesta quinta-feira 11 em Londres, mesmo estando dentro da embaixada do Equador, não teve o direito de se defender.

O fundador do WikiLeaks foi levado para uma delegacia na capital da Inglaterra após um pedido de extradição feito pelos Estados Unidos. Como motivos, apresentaram supostas irregularidades durante sua estadia na embaixada.

Questionado por jornalistas se temia pela vida de seu cliente, Carlos Poveda respondeu, segundo reportagem da Folha: "Obviamente, porque há pena perpétua e também há pena capital [nos EUA]".

O presidente do Equador, Lenin Moreno, postou no Twitter que seu governo "decidiu soberanamente retirar o asilo diplomático a Julian Assange por violar reiteradamente convenções internacionais e protocolo de convivência". O advogado de Assange disse que exigirá provas documentais dessa garantia. "Onde está o compromisso? Terão que exibi-lo."

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247