Cão resgatado de maus-tratos (re)conhece o amor

A incrível história de Mosley: foi preciso que o animal conhecesse o homem em sua essência (um bebê) para parar de temê-lo

A incrível história de Mosley: foi preciso que o animal conhecesse o homem em sua essência (um bebê) para parar de temê-lo
A incrível história de Mosley: foi preciso que o animal conhecesse o homem em sua essência (um bebê) para parar de temê-lo (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por Lula Miranda, em seu Facebook

Um dos "sujeitos" simpáticos aí da foto é o Mosley, um cão da raça Greyhound (mais conhecida como Galgo) que foi resgatado das cruéis corridas nos EUA e que, em decorrência dos abusos sofridos, tinha verdadeiro pavor dos seres humanos.

Mas eis que Mosley mudou de comportamento ao nascer o bebê de sua dona. O outro sujeito simpático da foto.

Moral da história: foi preciso que o animal conhecesse o homem em sua essência (um bebê) para parar de temê-lo.

Que essa imagem e esse caso possam correr o mundo e servir como lição aos homens que maltratam os animais por "diversão" em rinhas, corridas, vaquejadas, touradas - e até mesmo no dia-a-dia, seja nas ruas ou nas suas próprias casas.

E que assim esses supostos "humanos" possam repensar essa sua "diversão" às custas do sofrimento imposto aos animais.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247