A dança tucana da tradição: “Bolsodoria” e Alckmin afundam juntos, diz Kotscho

"Padrinho e afilhado, Geraldo Alckmin e João Doria sentem agora na própria carne os efeitos da traição de que foram vítimas nesta campanha", escreve o jornalista Ricardo Kotscho; "O ex-prefeito fujão roda pelo interior de São Paulo em busca dos votos que perdeu na capital, agora a bordo da chapa "Bolsodoria'"

A dança tucana da tradição: “Bolsodoria” e Alckmin afundam juntos, diz Kotscho
A dança tucana da tradição: “Bolsodoria” e Alckmin afundam juntos, diz Kotscho (Foto: Dir.: em cima (Rovena Rosa - ABR) / embaixo (Fabio Pozzebom - ABR))

247 - "Os números divulgados esta semana pelo Ibope sobre as eleições em São Paulo não poderiam ser mais dramáticos para o que sobrou do PSDB de Mario Covas. Padrinho e afilhado, Geraldo Alckmin e João Doria sentem agora na própria carne os efeitos da traição de que foram vítimas nesta campanha", escreve o jornalista Ricardo Kotscho. "O ex-prefeito fujão roda pelo interior de São Paulo em busca dos votos que perdeu na capital, agora a bordo da chapa "Bolsodoria'".

Kostcho lembra que "tudo começou quando, ainda no ano passado, logo depois de tomar posse na prefeitura, Doria já se lançou como presidenciável, furando a fila de Alckmin, candidato natural do tucanato por tempo de serviço". "Como não deu certo, o prefeito largou o cargo com 15 meses de mandato e, em seguida, lançou-se candidato a governador, achando que era só correr para o abraço", diz. "Agora, os dois afundam juntos, colocando em risco o futuro do reinado do Tucanistão que instalaram há um quarto de século em São Paulo", acrescenta.

O jornalista reforça que, "na eleição presidencial, Alckmin está 19 pontos (33% a 14%) atrás de Jair Bolsonaro, em São Paulo, estado que governou por quatro vezes, já praticamente fora do segundo turno". "Na projeção de segundo turno da eleição para governador, Doria perde por 8 pontos (39% a 31%) para Paulo Skaf, o empresário dos patos amarelos. E a rejeição a Doria bateu nos 33%, contra 19% de Skaf", complementa. 

Leia a íntegra no Balaio do Kotscho

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247