Advogados ligados a Temer querem evitar cassação

A ideia é defender que a contabilidade das campanhas de Dilma Rousseff, sob julgamento no tribunal, foi feita de forma separada; técnicos do TSE, no entanto, já se posicionaram contra essa possibilidade, alegando que a chapa que concorreu à Presidência é uma só, segundo Mônica Bergamo

A ideia é defender que a contabilidade das campanhas de Dilma Rousseff, sob julgamento no tribunal, foi feita de forma separada; técnicos do TSE, no entanto, já se posicionaram contra essa possibilidade, alegando que a chapa que concorreu à Presidência é uma só, segundo Mônica Bergamo
A ideia é defender que a contabilidade das campanhas de Dilma Rousseff, sob julgamento no tribunal, foi feita de forma separada; técnicos do TSE, no entanto, já se posicionaram contra essa possibilidade, alegando que a chapa que concorreu à Presidência é uma só, segundo Mônica Bergamo (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Advogados ligados ao PMDB do vice-presidente Michel Temer seguem preparando estudos e consultando juristas para defender a tese de que, em caso de cassação de Dilma Rousseff pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), ele não seria atingido, podendo substituí-la no comando do país. É o que afirma a colunista Mônica Bergamo.

Segundo ela, a ideia é defender que a contabilidade das campanhas, sob julgamento no tribunal, foi feita de forma separada, mas o órgão já sinaliza que tese não vai funcionar. Leia a nota da jornalista:

Técnicos do TSE, no entanto, já se posicionaram contra essa possibilidade, alegando que a chapa que concorreu à Presidência é uma só –e que a cassação do titular (no caso, Dilma) leva junto também o vice (Temer). Além disso, as contas já foram julgadas, juntas, e na época o PMDB não fez qualquer questionamento ao processo.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email