Aécio condena abandonar Temer por achar que agenda é a do PSDB

Apesar do afastamento do Senado, Aécio Neves (PSDB-MG) segue ativo nas negociações políticas; o tucano recebeu ministros e dirigentes do PSDB em sua casa, em Brasília, e deu seu recado: “É prematuro pensarmos em candidaturas enquanto apoiamos um governo cuja agenda nós elaboramos"

aecio neves
michel temer
aecio neves michel temer (Foto: Giuliana Miranda)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A disposição de Aécio Neves para apoiar o governo de Michel Temer mesmo diante da avalanche provocada pela delação de Joesley Batista foi explicada pelo próprio tucano.

Afastado do Senado, Aécio Neves (MG) recebeu ministros e dirigentes do PSDB em casa. Deu seu recado: “É prematuro pensarmos em candidaturas enquanto apoiamos um governo cuja agenda nós elaboramos.”

As informações são da coluna Painel da Folha de S.Paulo.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247