Aloysio: Marina usa “identidade postiça” por votos

Candidato a vice-presidente na chapa de Aécio Neves, senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) diz que candidata do PSB "improvisou uma personalidade palatável para esconder a imagem de sectarismo que sempre a caracterizou"; tucano aponta contradições de Marina Silva e comemora, sobre seu programa de governo trazer semelhanças com o do PSDB: "Acho ótimo. É sinal de que ela pode nos apoiar no segundo turno"

Candidato a vice-presidente na chapa de Aécio Neves, senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) diz que candidata do PSB "improvisou uma personalidade palatável para esconder a imagem de sectarismo que sempre a caracterizou"; tucano aponta contradições de Marina Silva e comemora, sobre seu programa de governo trazer semelhanças com o do PSDB: "Acho ótimo. É sinal de que ela pode nos apoiar no segundo turno"
Candidato a vice-presidente na chapa de Aécio Neves, senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) diz que candidata do PSB "improvisou uma personalidade palatável para esconder a imagem de sectarismo que sempre a caracterizou"; tucano aponta contradições de Marina Silva e comemora, sobre seu programa de governo trazer semelhanças com o do PSDB: "Acho ótimo. É sinal de que ela pode nos apoiar no segundo turno" (Foto: Gisele Federicce)

247 – Candidato a vice-presidente na chapa do tucano Aécio Neves, o senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) disparou críticas à candidata do PSB, Marina Silva, que disparou nas pesquisas eleitorais e já empata com a presidente Dilma Rousseff (PT) na liderança das intenções de voto. Para o tucano, ela usa uma "identidade postiça".

"Ela improvisou uma personalidade palatável para esconder a imagem de sectarismo que sempre a caracterizou", declarou o parlamentar à coluna Painel, da Folha de S. Paulo. Segundo Aloysio, a tentativa de aproximação da presidenciável com o agronegócio é "mais uma conversão de última hora".

Além disso, o senador questiona o discurso de Marina contra a polarização PT-PSDB – "integrou por 20 anos um partido sectário e rancoroso, que manteve uma guerra sem trégua com o PSDB" – e lembra os novos aliados da candidata no PSB, como Heráclito Fortes. Sobre o programa de governo da postulante trazer semelhanças com o do PSDB, comemora: "Acho ótimo. É sinal de que ela pode nos apoiar no segundo turno".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247