Bivar avisa que vai demitir advogada de confiança de Bolsonaro

Presidente da legenda, Luciano Bivar, alegou "quebra de confiança" para romper o contrato com a advogada eleitoral Karina Kufa, que devido à sua atuação nas últimas eleições havia se tornado uma espécie de conselheira de Jair Bolsonaro

Luciano Bivar e Karina Kufa
Luciano Bivar e Karina Kufa (Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados | Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A crise aberta por Jair Bolsonaro, que ameaça deixar o PSL devido ao esquema de candidaturas laranjas do partido em Minas Gerais, levou o presidente da legenda, Luciano Bivar, a cancelar o contrato com a advogada eleitoral Karina Kufa, que devido à sua atuação nas últimas eleições havia se tornado uma espécie de conselheira do ex-capitão. De acordo com reportagem do jornal O Globo,  Bivar alegou que ao desligamento da advogada aconteceu devido a uma quebra de confiança”. 

Nesta terça-feira (8), Bolsonaro voltou a fustigar Bivar ao afirmar que ele estava “queimado" e que o partido poderia "queimar seu filme também". Nesta quarta-feira Bivar foi taxativo ao dizer que a fala de Bolsonaro foi “terminal”. 

"A fala dele foi terminal, ele já está afastado. Não disse para esquecer o partido? Está esquecido", afirmou Bivar ao blog da jornalista Andréia Sadi

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email